terça-feira, 11 de julho de 2017

SONETO À VERDADE XLIV-CAUSAxEFEITO - Noneto Nº 75-Soneto - Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil-Interação com Klinger Sobreira de Almeida.

-

SONETO À VERDADE XLIV-CAUSAxEFEITO
-
Noneto-Poético-Teatral Nº 75-Soneto nº 6.468
Por Sílvia Araújo Motta/BH/MG/Brasil (*)
Interação-interpretativa da reflexão de
Klinger Sobreira de Almeida, Cel.PM.Ref.
-
Não há como fugir da Lei do "Efeito"
que é resultado: "Causa" enflora a esfera
do livre-arbítrio, plano bem aceito,
que planta em tempo certo e então, espera.
-
Incontestável "Bem" aprova o pleito,
sabe que o Mal, cruel traduz quimera;
gera ilusão que colhe o mau eleito;
obrigatória queixa:-Ai quem me dera!
-
As causas medram forças das potências,
do pensamento, onda vai e volta,
com seu efeito, filtra só essências.
-
No triste quadro, vício chega e mata...
Nada adianta, a trilha vil revolta:
-A corrupção traz queda e nó desata.
-
Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil,  julho/2017.
http://www.recantodasletras.com.br/sonetos/6051024
-
(*)Soneto-Clássico-sáfico- heroico; com sílabas fortes na 4ª, 6ª, 8ª; e 10ª sílabas - Rimas: ABAB, ABAB, CDC, CDC; Noneto com 9 solos: jogral-teatral-toante-cantante-poético: CORO:Rimas: AACEE-somente uma voz com apenas 5 instrumentos musicais . SOLOS: Rimas: BAB-BAB-DC-D-9 vozes acompanhadas por solos de instrumentos musicais. (Noneto musical criado por Villa Lobos). (Noneto poético recriado por Silvia Araújo Motta). Mensagem conclusiva no 14º Verso( Último do segundo terceto).